top of page

Bruno Gadiol relata que ficou preocupado ao se assumir gay


Bruno Gadiol voltou a interpretar o Guto, de "Malhação - Viva a diferença", em "As Five", spin-off lançado pelo Globoplay. Na continuação da história, o personagem revela que é gay e se separa de Benê (Daphne Bozaski). O ator conta que, pelo menos por enquanto, o público não ficou muito feliz com o destino do casal:

- Os fãs estão um pouco bravos com o Guto, falando que ele traiu a Benê. Mas eu entendo o personagem. Não faria desse jeito, acho que o Guto poderia ter sido sincero com ela, mas não teve essa maturidade. Porém, sei que ele estava sofrendo. Benê vai ter a ajuda das amigas para lidar com isso e espero que encontre uma pessoa legal. E o Guto também. Sem dúvida, eles se amam e se importam muito um com o outro, mas, para o Guto, era impossível que esse amor fosse romântico.

O ator espera que a história de Guto possa inspirar outras pessoas que estejam passando pela mesma situação:

- Isso acontece muito, e não só entre jovens. Algumas pessoas passam anos em casamentos e não se assumem por causa de pressões sociais. A gente vem à Terra para expressar quem a gente é. Acho que o Guto, como tantos outros personagens, pode ajudar as pessoas a verem e entenderem isso.

Bruno, que assumiu publicamente sua homossexualidade em 2018, um pouco depois do fim de "Malhação", vê muitas semelhanças entre a história de Guto e a sua própria.

- Essa coincidência mostra como a vida é engraçada. Em dezembro de 2016, quando fui escalado, ninguém sabia da minha sexualidade, só poucas pessoas da minha família. Era eu comigo mesmo. Nas primeiras leituras, soube que o personagem podia se descobrir gay no futuro. Isso acabou não acontecendo. Me assumi depois da novela e, para minha surpresa, veio a série e o Guto se assumiu também. Esse processo todo foi uma espécie de encontro comigo mesmo, um espelho com que a vida me presenteou. Eu e Guto somos muito parecidos. O que ele está vivendo eu vivi também. Com algumas diferenças, claro, porque não cheguei a assumir nenhum relacionamento heterossexual. Sabia que aquilo não seria verdadeiro. Mas entender a história dele foi fácil.

Fonte: (O GLOBO)


0 visualização0 comentário
bottom of page