top of page

Marcus Miguel, da série Nasce uma Rainha, revela sobre a construção de Adla Davis

Atualizado: 23 de nov. de 2020


O arquiteto e cenógrafo Marcus Miguel, um dos participantes do reality show “Nasce Uma Rainha”, conta sobre a construção de sua drag queen, presente no sexto episódio do reality show original da Netflix apresentado pelas drag queens Gloria Groove e Alexia Twister.

A drag queen nomeada Adla Davis, na qual Adla significa “justiça”, e Davis é uma homenagem a ativista Ângela Davis. “Bicha, preta e da periferia”, como Marcus se descreve, constrói uma drag queen de personalidade muito forte e persistente, com um conteúdo repleto de questões sociais e políticas, expressando sua identidade e história em sua arte.

Um grande exemplo das questões sociais na construção de sua drag, é bastante visível quando Marcus é confrontado por seus próprios sentimentos em um dos desafios propostos por Alexia Twister e Larissa Luz, convidada especial do episódio . No desafio, Larissa apresenta palavras como BOIOLA, VIADINHO e BICHA PRETA com o objetivo de acessar sentimentos de seu passado e expressá-los em sua apresentação final.

Lançado em 11 de novembro deste ano e com uma temporada bem curtinha de seis episódios, o programa consiste em ajudar pessoas que possuem um sonho em comum: abraçar, de uma vez por todas, a arte drag.

Fonte: (VALLEY)

183 visualizações0 comentário
bottom of page