top of page

Maria Gadú desabafa sobre ser LGBT no Brasil


Recentemente, Maria Gadú comentou, em entrevista remota a Serginho Groisman, no Altas Horas, sobre questões de gênero e o peso de ser LGBT no Brasil. “A gente está vivendo um momento muito bélico de todas as questões que são caras para a nossa personalidade, nossa subjetividade. Eu acho que o gênero é uma questão muito mais profunda do que só binária… Homem ou mulher, sim e não, errado e certo”, refletiu ela.

Gadú desabafou sobre a hostilidade das pessoas as quais tem que conviver. “Eu sofri um preconceito… Até por ser estigmatizada porque eu padronizo a sapatão de uma forma, o estigma da mulher homossexual. Essas aparições de que o gênero e a sexualidade está em tudo e em todos, é unitário de cada um e tem que ser respeitado, vem de todos os corajosos que se colocam como se é”.

Maria Gadú presta homenagem a ex-mulher

Maria Gadú não deixou passar em branco o dia do aniversário de Lua Leça, sua ex-mulher. A cantora prestou uma homenagem àquela a quem chamava de companheira até fevereiro deste ano. O casal se separou após oito anos de união.

“É o dia da Luinha. todos os sóis, os astros, os encantados e as divindades te cobrindo do manto mais lindo, lúcido, leve e amoroso. por ontem, hoje e amanhã! minha parceira. ‘É a dose mais forte e lenta’. Amo você”, escreveu Gadú na legenda da publicação feita no Instagram, acompanhada de uma foto da escritora.

Lua respondeu a declaração com outra: “Você me faz feliz. amo-te”, devolveu ela, que chegou a receber felicitações de famosos. “Viva a Lua. E as fases da Lua. Muito amor”, poetizou Chico César. “Mas é linda mesmo!”, elogiou o ator Marco Pigossi. “Viva @lualeca e aos amores eternos! Vocês são lindas!”, felicitou a cantora Roberta Sá.

Fonte: (ENTRETÊ)


107 visualizações0 comentário
bottom of page